X

Resignado, Vilas teme nunca ser o capitão da Argentina

Quinta, 18 de dezembro 2008 às 12:40:35 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Os jogadores argentinos se juntaram hoje para o Vilas Day, tradicional evento no clube do ex-tenista no bairro de Palermo em Buenos Aires. Estiveram por lá nomes como Juan Martín del Potro, Guillermo Cañas, Guillermo Coria, Gastón Gaudio e Mariano Zabaleta.

O tema segue sendo a escolha de Modesto Vázquez como capitão do vice-campeão da Copa Davis: "Não nos consultaram", destacou Guillermo Cañas. Del Potro seguiu a declaração do companheiro:"Não me ligaram e nem pro meu pai".

"O principal pontocontra é que muitos garotos não o conhecem. Ele treinou bons jogadores faz muito tempo, mas tem condições", continuou Cañas.

Quem lamentou profundamente a escolha foi o ídolo Vilas, que ganhou Grand Slams e chegou ao posto como número dois do mundo. Ele pleiteou várias vezes de forma pública sua intenção de dirigir o time: "Se não foi dessa vez, acho que nunca mais vai ser. Aqui não há votação para eleger o capitão, é uma escolha deles (da Associação Argentina de Tênis)".

Vilas também comentou sobre Vazquez e desejou sorte para ele: "Tomare que ganhe a Davis. Ele jogou tênis, mas teve resultados mais positivos nas duplas e já foi capitão. Ele terá que saber se relacionar com os jogadores. Vamos esperar os resultados".
banner
banner