X

Treinador defende Del Potro e dispara contra Nalbandian

Sábado, 29 de novembro 2008 às 11:32:11 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
A polêmica envolvendo a lesão de Juan Martin Del Potro, que prejudicou a equipe argentina na derrota diante dos espanhóis na final da Copa Davis, continua rendendo. Agora foi a vez do treinador de 'Delpo', Franco Davin, sair em defesa de seu pupilo.

Davin defendeu a atitude do jogador de ir à Shangai jogar a Masters, admitiu que a quadra atrapalhou e garantiu que o tenista de Tandil está disposto a jogar pela equipe sempre que for convocado.

Quando questionado sobre a participação de Del Potro no Masters de Shangai, o técnico foi catégorico ao defender a atitute do atleta: "Juan começou o ano entre os 60 melhores do mundo e a partir do meio do ano passou a vencer muitos jogos, até que depois do US Open surgiu a real possibilidade de disputar a Masters. Então ele começou a se esforçar muito para conseguer a classificação, e a vaga para Shangai representa para todo tenista um prêmio por uma grande temporada", afirmou.

"Juan Martin não falou com ninguém sobre futuras convocações, mas a Copa Davis está no nosso planejamento", garantiu ele, que não economizou críticas à quadra: "Juan havia alertado ao Mancini que não queria uma quadra tão rápida, mas quando chegamos a Mar Del Plata encontramos uma superfície mais veloz que o normal. Ele (Del Potro) entrou muito desconfortável e isso favoreceu muito o Lopez", analisou.

E sobre a polêmica briga entre seu pupilo e David Nalbandian, Davin criticou o tenista de Córdoba: "Nos vimos três vezes na Europa e ele (Nalbandian) não falou nada a respeito da Copa Davis. Toda a confusão começou aqui na Argentina, já dentro da equipe, e quando você está dentro da equipe não pode sair por aí falando dos outros, tudo tem que ser resolvido com o capitão, pois ele é o comandante do time. Se o 'Nalba' queria dizer alguma coisa, deveria ter falado antes, não depois. Então, se ele falou algo depois, foi um erro gravíssimo", completou.
banner
banner