X

'Decisão por Lopez foi difícil', diz capitão espanhol

Quinta, 20 de novembro 2008 às 16:00:45 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Fabrizio Gallas, direto de Mar del Plata (ARG)

Capitão da Espanha na Copa Davis, Emilio Sanchez Vicario, não surpreendeu e escolheu Feliciano Lopez como segundo tenista de simples para o duelo diante da Argentina na final.

Após o sorteio, realizado no hotel Provincial, Vicario detalhou as dificuldades para fazer a escolha já que Lopez brigava com Fernando Verdasco por um lugar em simples: "Já havia dito que os dois (Lopez e Verdasco) tinham muita vontade de jogar, treinaram muito para isso. Inclusive Marcel Granollers (substituto de Nadal e quarto membro do time) teve um nível altíssimo. Estavam todos dispostos. Foi difícil tomar essa decisão, os dois estiveram bem no fim do ano, Fernando está um pouco mais acima na classificação da ATP, mas nos treinos Feliciano se diferenciou um pouquinho e me decidi por ele", disse o capitão que terá os dois jogando nas duplas mais David Ferrer como primeiro de simples do país.

Lopez enfrentará Juan Martin Del Potro no segundo jogo desta sexta-feira. O argentino, que vive seu melhor momento, reclama de dores na unha do pé direito e do cansaço, mas isso não é problema para o time espanhol: "Não sei como estão as unhas de Del Potro, porque não as vi. Mas sei que na minha equipe tem vários jogadores com as unhas machucadas. Nós dependemos aqui de nós e não de Del Potro, vamos fazer o melhor possível e eles que se preocupem com o deles".

Mesmo considerando suas chances menores (no meio da semana ressaltou que a Argentina tem uma percentagem de 65-35 para vencer o duelo), Vicario quer fazer a festa na casa do oponente: "Queremos ganhar a final, a Argentina tem uma grande equipe e querem fazer uma festa nessa eliminatória. Nós também temos uma grande equipe e estamos trabalhando para sermos competitivos e se ganharmos faremos festa também, lógico que aqui não vai se comemorar muito".
banner
banner