X
banner

Mello cai na primeira rodada em Indian Wells

Sábado, 12 de março 2005 às 12:35:21 AMT

Link Curto:

Ricardo Mello
Não passou do primeiro jogo o sonho de Ricardo Mello de conseguir uma boa campanha no primeiro Masters Series da temporada. Na estréia de Indian Wells, na madrugada deste sábado, o melhor tenista do país não repetiu as boas atuações dos últimos meses e se tornou presa fácil para o francês Fabrice Santoro, veterano do circuito.


O tenista de 32 anos fechou a vitória com facilidade, por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/3, em apenas uma hora e 15 minutos. Com a derrota, o Brasil perde seu único representante na chave do torneio. Por sua vez, Santoro passa para as oitavas-de-final e agora encara o "Rei dos Aces", o sueco Joachim Johansson, cabeça-de-chave número 11 da competição.

Apesar de vir em boa forma na temporada, Mello havia dado uma parada nos torneios em quadras rápidas, onde conseguiu os melhores resultados de sua carreira, para jogar dois torneios no saibro e a Copa Davis. Neste intervalo, foi à semifinal no Brasil Open e conseguiu um ponto em simples, importante para a vitória brasileira sobre a Colômbia.

No entanto, o tempo distante das quadras rápidas foi fundamental na partida contra Santoro. Nela, o brasileiro esteve à frente em apenas dois momentos, no início de cada set. Logo na saída, Mello quebrou o saque do rival, mas parou por aí. Permitiu quatro games seguidos do francês e outra quebra no oitavo, para ceder a parcial em 6/2.

Na segunda, os dois confirmaram saque, mas Mello quebrou Santoro no terceiro game. A vantagem persistiu até o 3/2, quando o francês empatou. Embalado e em melhor dia, o número 54 do mundo (uma atrás de Mello) voltou a se dar bem no serviço do brasileiro e abriu 5/3. No último momento da partida, o brasileiro ainda teve break point, mas desperdiçou a oportunidade de seguir vivo. O resultado foi um tranqüilo 6/3 para o rival.

As estatísticas comprovam a superioridade de Santoro no jogo. O tenista obteve três aces contra nenhum do adversário e ganhou 74% dos pontos com o primeiro serviço, contra apenas 56% de Mello. Outro fator decisivo foi no número de duplas-faltas: 4 a 0 para o brasileiro. No total de pontos, 66 a 49 para o francês.
banner
banner