X

CBT capacita 35 professores no último final de semana

Terça, 20 de maio 2008 às 17:52:52 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O Departamento de Capacitação de Professores da Confederação Brasileira de Tênis promoveu, simultaneamente, mais dois cursos Módulos A e C, que aconteceram entre 16 e 18 de maio, na sede do Petrópole Tênis Clube, na capital gaúcha, e no Tenis Clube de Campinas, interior de São Paulo. Foram três dias de muito aprendizado e interação entre os professores.

O curso Módulo C, em Campinas, teve a participação de 24 alunos e foi ministrado pelo Diretor do Departamento de Capacitação da CBT, Cesar Kist, e pelo representante do Departamento no Rio de Janeiro, Domingos Venâncio, que aplicaram aulas em grupo voltadas à progressões dos golpes de fundo, voleios, saque/devolução, e abordaram assuntos sobre preparação física, ITN ( Número Internacional de Tênis), tênis em cadeira de rodas, tênis para deficientes intelectuais e cuidados médicos em quadra.

Entre os participantes do curso, destaque das ex-profissionais Luciana Tella, Marcela Evangelista e Fabiana Mak. A primeira, após uma bem sucedida carreira como jogadora, é hoje proprietária da academia que leva o seu nome e, desta forma, Luciana inscreveu no curso alguns dos professores de sua academia. “ Só elogios para o curso”, disse a experiente tenista. “ As aulas foram muito bacanas, divertidas e os temas foram adequados. Tudo será de muito proveito para os professores em suas aulas diárias”, completou.

No sul do país, os ministradores do Módulo A foram Sabrina Giusto e Alexandre Costa, que apresentaram para 12 alunos conteúdos referentes ao mini-tênis (exercícios e jogos), ensino para iniciantes, golpes básicos, desenvolvimento físico para crianças e jovens, princípios táticos do jogo de tênis, psicologia para crianças e abordaram assuntos sobre o papel do professor.

Dentro da filosofia do Departamento de Capacitação da CBT e com o objetivo de valorizar os profissionais capacitados e gabaritados, os cursos são acrescentados ao Sistema Nacional de Graduação Profissional (SNGP), onde são levados em consideração o histórico profissional, a capacitação específica e não específica, os resultados profissionais e a trajetória como jogador. A partir da somatória de todos esses fatores, o profissional será incluído na pirâmide, de acordo com seu nível. Ao todo, são cinco níveis diferenciados, começando pelo Instrutor, passando pelo Treinador, Treinador Nacional, Técnico Nacional até alcançar o grau máximo de Técnico Máster.

Os cursos de capacitação são realizados em todo o Brasil, com diversos profissionais envolvidos em diversos níveis. Mais informações estão disponíveis na página principal “capacitação” em www.cbt.com.br.

Seguem abaixo os próximos cursos:

De 30 de maio a 01 de junho
Módulo B: Curitiba(PR) - Clube Curitibano
Módulo C: Cuiabá (MT) - Tennis Company
Módulo C: Teresina (PI) - Academia Radical Tenis

De 06 a 08 de junho
Módulo A: Florianópolis (SC) – Universidade Federal de Santa Catarina
Módulo A: Belo Horizonte (MG) – Clube Sirio
banner
banner