X

Davydenko leva advertência por suspeita de jogar partida fora

Quinta, 25 de outubro 2007 às 21:10:16 AMT

Link Curto:

Nikolay Davydenko - Shanghai
O russo Nikolay Davydenko vive um verdadeiro inferno astral. Depois de receber nesta semana outra notícia de que teria possivelmente entregue outro jogo, o número quatro do mundo recebeu uma advertência do árbitro de cadeira por querer jogar a partida fora, fazer corpo mole na derrota diante do croata Marin Cilic por 1/6 7/5 6/1 nas oitavas de final em São Petersburgo (Rússia).

O tenista jogou um tênis de primeira no set inicial e acertando winners para todo o lado aplicou 6/1. Mas nos dois sets seguinte passou a errar muito e cometer ao todo 10 duplas-faltas. Então, o árbitro belga Jean-Philippe Dercq não teve dúvidas e no terceiro set deu uma advetência em Davydenko por não tentar a vitória.

Questionado pela imprensa após a derrota, Davydenko se defendeu: "Eu dei uma dupla-falta e perdi um game no terceiro set e ele me deu uma advertência dizendo que eu estava tentando perder", disse o tenista que em agosto teria perdido de propósito para o argentino Martin Arguello também nas oitavas do torneio de sopot (Polônia).

"Fiquei chocado em ouvir o que ele disse. Isso é fora do comum. Como ele sabe o que eu estava tentando fazer ? Fiquei tão chateado com o que aconteceu que comecei a chorar", dramatizou.

Davydenko explicou o motivo do mau desempenho no set final do duelo: "A realidade é que me senti cansado. Minhas pernas estavam mortas no terceiro set. Talçvez meus problemas sejam psicológicos, de minha cabeça", sentenciou o russo que ainda não sabe se será multado pelo ocorrido.

Nesta semana o tenista recebeu a notícia de que está incluído em um dossiê por supostamente ter manipulado o resultado no jogo contra o americano Andy Roddick no Australian Open 2005 nas quartas de final onde foi derrotado.
banner
banner