X

Feijão fura o quali em Bogotá e é o quinto brasileiro no torneio

Segunda, 15 de outubro 2007 às 11:40:06 AMT

Link Curto:

Feijão - Mogi II
O paulista João Olavo Souza, 19 anos, é o quinto nome brasileiro na chave de Bogotá, onde acontece a primeira etapa da Copa Petrobras 2007. Neste domingo, ele passou por uma rodada dupla no qualifying: primeiro, anotou 6/4 7/6(5) no argentino Juan Francisco Spina; depois, bateu o colombiano Juan Cabal por 7/5 6/2.

A partida contra Cabal teve gostinho especial para Souza, mais conhecido como “Feijão”. O rival o havia batido há duas semanas em Medellín. Além disso, Cabal contava com o apoio do público, que compareceu à quadra central, e mostrou melhor adaptação à altitude – não ficava ofegante após os pontos como o brasileiro.

O tenista de Mogi das Cruzes passou por momentos delicados no 3/3 do primeiro set, mas salvou cinco break points, sempre jogando com agressividade. Conforme o jogo ficava mais disputado, a torcida participava mais e os atletas ficavam mais tensos. O paulista chegou a se irritar com Cabal porque achou que o rival tentava colocar pressão no árbitro por ser um jogador da casa.

No segundo set, Feijão encaixou bolas vencedoras de direita e de esquerda e conseguiu uma quebra logo de cara. “A gente treinou muito, muito essa esquerda e agora dá para ver a melhora. Em alguns jogos ela chega a estar melhor que a direita”, contou o treinador do paulista, o mineiro Rodrigo Laender.

O brasileiro continuou acertando winners com golpes chapados dos dois lados, mas passou por sufoco quando vencia por 4/2 na segunda parcial. Com um grande saque e um voleio curto, contudo, se salvou e seguiu rumo à vitória. “Ele está jogando em um nível que está acima do que os resultados mostram. Ainda é um pouco inexperiente, está aprendendo a usar suas armas melhor”, continuou Laender.

“Vamos jogar a etapa de Belo Horizonte e depois talvez alguns futures no Brasil. Não está definido. Mas a idéia é que no ano que vem só jogar challengers. Ele já atingiu esse nível”, finalizou.

O gaúcho André Ghem também garantiu vaga na chave principal. Quando vencia por 6/1 e 4/1, o rival Santiago Gonzalez, do México, abandonou a partida.

Bellucci e Zampieri – A nova geração do Brasil dá a largada amanhã na chave principal de Bogotá. O paulista Thomaz Bellucci pega o local Alejandro Gonzalez a partir das 13h (Brasília), na quadra central. Já Caio Zampieri, semifinalista de Quito na última semana, encara o francês Eric Prodon a partir de 16h (Brasília).

De Bogotá, a Copa Petrobras segue para Belo Horizonte (MG), de 22 a 28 de outubro; Montevidéu (URU), de 29 de outubro a 4 de novembro; Assunção (PAR), de 5 a 11 de novembro; e Buenos Aires (ARG), de 12 a 18 de novembro, O Torneio dos Campeões será realizada de 4 a 8 de dezembro, em Aracaju (SE).

Os torneios terão premiação de US$ 75 mil, com pontuação equivalente à de um evento de US$ 100 mil, enquanto o Torneio dos Campeões terá uma premiação de US$ 100 mil e mais hospedagem.

Fonte: DGW Comunicacao
banner
banner