X

Tênis e Saúde - Lesões no Tornozelo

Terça, 12 de junho 2007 às 15:48:17 AMT

Link Curto:

Gilbert Bang II

Por Dr. Gilbert Bang, membro da Society for Tennis Medicine and Science, ligada a ITF, ATP e WTA

Pense em uma lesão do tornozelo e você lembrará certamente do entorse, pois é a lesão mais comum desta complexa articulação. Ela ocorre principalmente em pisos rápidos, em ocasiões de parada brusca e mudança de direções.

Leia Mais:
Nadal faz exames sobre pequena lesão no tornozelo, mas joga em Queen´s

Isso significa que a causa traumática é a mais comum e, naturalmente, a mais tratada, prevenida e conhecida. Entretanto, devemos lembrar ainda das lesões ósseas por sobrecarga, fraturas, tendinites, bursites e artrose.

Os estudos mostram que em atletas profissionais grande parte das lesões ocorre abaixo da cintura e principalmente no tornozelo. Desta forma, é preciso estar atento à prevenção dessas lesões, pois elas dificultam ou mesmo impedem os jogadores de realizarem até mesmo treinos leves, pois o conjunto pés/tornozelos é responsável pelo suporte do peso corporal, seja estático ou dinâmico.

Treinamentos intensos e repetitivos podem sobrecarregar os músculos e tendões ocasionando reação inflamatória e provocando dor. Treino de saltos e tiros devem ser cuidadosamente controlados pelo preparador físico a fim de evitar sobrecarga e permitir tempo de recuperação ao corpo.

O exame estático e dinâmico dos pés e tornozelos deve fazer parte da avaliação clínica, que pode ser complementada com avaliação por instrumentos como podoscópio ou baropodômetro, identificando-se então, alterações anatômicas (pé “chato”, pé cavo) e funcionais (descarga de peso de forma irregular).

A avaliação clínica e instrumentalizada, o trabalho adequado de carga, fortalecimento e alongamento realizado na preparação física e o treino de propriocepção na fisioterapia são fundamentais na prevenção de lesões. Alterações nesse segmento do corpo podem acarretar lesões em outras articulações como joelhos, quadris e coluna vertebral.

Tudo isso se complementa com a escolha do calçado adequado e a possível prescrição de órteses (palmilhas, tornozeleiras) para permitir o bom desempenho esportivo.
banner
banner