X

Nadal lamenta derrota: ‘Lutei com tudo até o fim’

Quarta, 29 de janeiro 2020 às 11:48:58 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O tênis de altíssimo nível do espanhol Rafael Nadal não foi o suficiente para frear um inspirado Dominic Thiem nesta quarta-feira. Rapidamente comparecendo à coletiva de imprensa após a partida, o número 1 comentou que teria feito coisas de modo diferente.



Leia Mais:

Nadal pode perder a liderança

 

“Teria vencido qualquer tie-break. Tive uma grande oportunidade no primeiro set, perdi um set point e logo não joguei um bom tie-break. No segundo set, ele sempre batia uma bola a mais e me colocava em posição complicada. Não creio que fiz uma partida ruim. Ele teve uma boa atitude durante toda a partida, lutando e tendo oportunidades. Por minha parte, não me rendi em momento algum e estou feliz pelo nível de concentração que apresentei. Precisei de um pouco mais de determinação em alguns momentos, mas as condições estavam muito pesadas”, avaliou.

Durante diversos momentos decisivos na partida o austríaco levou sorte em lances com bolas na rede e afins. Indagado se a sorte teria influenciado na vitória, Nadal garantiu que não. “Não podemos reduzir à sorte uma partida de quatro horas com pontos que foram tão próximos das linhas. Existe uma intenção nessas jogadas, elas são propositais. Ele esteve muito determinado durante toda o jogo, e da minha parte faltaram mais bolas vencedoras. Com bolas novas me sentia um pouco melhor, mas ele estava muito rápido e bem calibrado. Em partidas tão disputadas como essa, qualquer coisa desequilibra a balança”.

“Eu tentei até o fim, busquei oportunidades a todo momento. Fisicamente me esforcei demais e mentalmente também. Estive a dois pontos de ir ao quinto set, assim como de vencer os dois primeiros sets. Mentalmente isso é complicado, ainda mais contra um rival como Thiem. Apenas não era para ser, assim é o esporte. Ele fez alguma coisa melhor que eu essa noite, ainda que a diferença tenha sido mínima. Estou satisfeito com minha atitude e por tudo que dei em quadra. O que posso fazer agora e seguir trabalhando e buscar me aproximar do nível que preciso para vencer os torneios”, concluiu.