X

Cilic sobrevive à maratona contra Paire na Austrália. Berrettini é surpreendido

Quarta, 22 de janeiro 2020 às 04:46:02 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A rodada desta quarta-feira foi recheada de partidas disputadas e complicadas no Australian Open 2020. Dentre elas, uma verdadeira maratona concedeu ao croata Marin Cilic o passaporte para a terceira rodada do evento.



Atualmente ocupando a 39ª posição do ranking, Cilic não era favorito diante do 21º favorito francês Benoit Paire. No entanto, a experiência de quem já foi número 3 três do ranking e finalista em Melbourne pesou, rendendo a vitória para o croata após 3h33 de partida, com parciais de 6/2 6/7(6) 3/6 6/1 7/6(3).

Buscando repetir seu melhor resultado no torneio, o vice-campeonato em 2018, Cilic agora terá em seu caminho, valendo vaga nas oitavas de final o vencedor do embate entre o convidado norte-americano Michael Mmoh e o cabeça de chave número 9, Roberto Bautista Agut.

Em outro duelo envolvendo um cabeça de chave, o oitavo favorito italiano Matteo Berrettini lutou por cinco sets contra o norte-americano Tennys Sandgren, 100º do ranking e quadrifinalista do torneio em 2018, mas acabou eliminado após 3h23 pelas parciais de 7/6(7) 6/4 4/6 2/6 7/5.

Após cair ainda na estreia em 2019, Sandgren busca repetir seu melhor resultado e terá em seu caminho na terceira rodada seu conterrâneo Sam Querrey, que vem de vitória por 7/6(2) 4/6 6/4 6/4 sobre o lituano Ricardas Berankis.