X

Svitolina e Simon vão as redes sociais questionar decisão do Australian Open

Terça, 14 de janeiro 2020 às 06:30:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Não apenas quem entrou em quadra pelo qualificatório do Australian Open que reclamou da decisão da organização de manter o início do quali, mesmo com a presença de uma forte fumaça oriunda dos incêndios nas florestas do país.



A ucraniana Elina Svitolina utilizou sua conta no Twitter para compartilhar os dados de informação das condições climáticas em Melbourne, que no momento registravam 200 pontos na escala de 'insalubridade do ar', o que é considerado muito perigoso para a saúde e cujas autoridades locais recomendaram que as pessoas evitassem "ao máximo" sair de casa e permanecerem em locais fechados.

"Por que temos de esperar que algo ruim aconteça para tomarmos uma ação?" Questionou a ucraniana.

Já o francês Gilles Smon, utilizou de todo seu sarcasmo e ironia para questionar a decisão do Australian Open em iniciar as chaves do qualificatório: "Quando encontramos médicos que dizem que jogar sob 45ºC não é perigoso no Australian Open e árbitros que dizem que a grama molhada não é escorregadia em Wimbledon, precisamos encontrar um especialista que ateste que a qualidade do ar é suficiente, né?".

banner
banner