X

Diretor de Stuttgart: 'Zverev pediu um cachê absurdo. Federer é prioridade'

Sexta, 08 de fevereiro 2019 às 17:01:07 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O diretor do ATP 500 de Stuttgart, na Alemanha, Edwin Weindorfer, conversou esta semana com o jornal local Sttutgart Zeitung e falou sobre a participação de Roger Federer e do número 1 local, Alexander Zverev na próxima edição e surpreendeu.



Weindorfer mostrou-se orgulho de seu trabalho desde que o torneio deixou o saibro e passou a ser disputado na grama (em 2015) e desde então em todas as edições conseguiu contar com a presença de Roger Federer, atual campeão. 

Em contrapartida, o número 1 do país e quarto do mundo, Alexander Zverev, participou apenas da primeira edição na grama e agora vê sua participação cada vez mais distante por uma comunicação econômica: "Penso que os valores que ele solicitou não eram justificados. Não podemos pagar por Federer e Zverev", disse ele pontuando que a Zverev só falta apenas um "título do Grand Slam"

"Temos um orçamento de oito milhões de euros e apenas dois são para contratar jogadores. Se o Roger vier, esses dois milhões ficam esgotados. Só conseguimos trazer Zverev, se Roger não quiser vir e nós queremos que ele venha", definiu o diretor que confessou estar em "negociações intensas" com a equipe de Federer, que deve decidir após o Masters de Miami se jogará ou não na grama alemã de Stuttgart.