X

Carreno: 'O mais difícil de tudo é não conseguir jogar até o fim'

Sexta, 14 de setembro 2018 às 14:00:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Logo após ser derrotado pelo francês Benoit Paire, no primeiro duelo pela semifinal da Copa Davis, o espanhol Pablo Carreño Busta esclareceu que a derrota com pneu no terceiro set se deu em virtude de uma lesão na perna, que sntiu em quadra.



"O mais difícil de tudo é não conseguir acabar um jogo tendo condições de competir", disse o capitaneado de Sergi Bruguera sem esconder a frustração. "Uma derrota que acontece quando jogas bem não dói tanto. Hoje, não pude jogar bem em virtude destes problemas físicos. Por isso, estou triste, mas é preciso tentar manter-se concentrado", completou.

Ao ser questionado quando as dores na perna direita surgiram, Carreño surpreendeu ao contar que sentiu a lesão apenas em quadra: "[Foi]No inicio do segundo set comecei a notar algumas coisa, as dores foram aumentando e aumentando e no terceiro set ficou praticamente impossível".