X

Wawrinka supera Stepanek na estreia em Tóquio. Dimitrov e Anderson caem

-->
Terça, 06 de outubro 2015 às 08:49:10 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Principal favorito na chave do ATP 500 de Tóquio, no Japão, o suíço Stan Wawrinka, quarto do ranking da ATP, teve boa estreia diante do experiente tcheco Radek Stepanek, 255º. Também favoritos, Grigor Dimitrov e Kevin Anderson foram surpreendidos.



Wawrinka precisou 1h17 para fechar o placar em 7/5 6/3 diante do tcheco que entrou na disputa utilizando ranking protegido pois está retornando de cirurgia no ombro.

Em um jogo que teve um primeiro set com o suíço pressionado com quebra abaixo, ele reagiu virou a parcial e dominou o segundo set, tendo convertido em todo o jogo 11 aces contra dois de Stepanek, que venceu 73% dos pontos jogados em seu primeiro serviço contra 81% do suíço.

Na segunda rodada, Wawrinka encara o convidado local Tatsuma Ito, 127º, a quem já enfrentou uma vez pelo circuito profissional na chave de Tóquio em 2014 e foi derrotado.

Quem também estreou, mas acabou surpreendido foi o búlgaro Grigor Dimitrov, 21º da ATP e cabeça de chave oito do torneio, foi eliminado após 1h33 de partida pelo placar de 6/4 3/6 6/1 pelo francês Benoit Paire, 31º.

O francês dominou o jogo, disparou 11 aces contra dois de Dimitrov, que venceu 76% dos pontos com seu primeiro serviço contra 85% de aproveitamento de Paire, que na próxima rodada faz duelo de temperamentais contra o cipriota Marcos Baghdatis, 49º, que em 1h16 superou o espanhol Fernando Verdasco, 41º, por 7/5 6/1.

Baghdatis e Paire se enfrentaram duas vezes no circuito profissional, com uma vitória para cada tenista. O cipriota venceu o encontro disputado em quadra rápida, mesmo piso do torneio japonês.

Quinto favorito, o sul-africano Kevin Anderson, 12º, foi dominado pelo luxemburguês Gilles Muller, 43º, e após 1h14 de partida foi eliminado pelo placar de 6/2 6/3.

Muller encara o francês Jeremy Chardy,27º, que contou com o abandono do australiano Sam Groth,53º, quando vencia a partida em 6/3 2/0.
Chardy e Muller se enfrentaram duas vezes no circuito profissional, com vitórias do luxemburguês.